domingo, 18 de dezembro de 2011

Máquina de tricô para crianças

 É um brinquedo, mas parece e funciona como uma máquina de tricotar de verdade. Não substima a inteligência das crianças. O interessante nesta maquininha é que, não basta a criança ficar girando uma manivela, indefinidamente, e ficar vendo o tricô crescer.

Este é um exemplar que apesar de antigo está muito bem conservado, apesar dos danos na caixa, e tem todos os acessórios.

As ferramentas são bem parecidas com as de uma máquina para gente grande.

A régua seletora de pontos.

 Os morsetes para prender a máquina à mesa.

 Manual de instruções.

Uma agulha de bambú, para retirar trabalhos (pontos) da máquina.

 As ferramentas ficam guardadas nesse pequeno estojo, que com a ação do tempo tomou essa cor amarelada, impossível de reverter.

Agulhas para substituição e uma agulha própria para costurar o tricô. O fabricante pensou em tudo, para a criança aprender como trocar uma agulha da máquina.

 
 Junior Knitter Model K2 , fabricação da Singer. Por algum motivo, que eu desconheço, essa máquina foi vendida no Japão como Asahi Toy Knitter modelo 49.

Carrinho da máquina.

Parte de baixo do carro. Note-se as escovas, como nas máquinas grandes.

 A forma de encaixar o carro na cama da máquina é como nas máquinas de verdade.

 Uma vez encaixado ele poderá deslizar sobre as agulhas, que tambem são movimentadas (quando colocadas em posição de trabalho) pelo sistema de imãs.

O carro possui alguns controles e tensores para o fio.

 Assim como nas máquinas grandes, as agulhas tem posições variadas. A B ou C.

 É mais que um brinquedo, é uma miniatura onde as agulhas são idênticas.

Faz ponto liso/jersey.

 E tambem ensina à fazer um tipo de jacquard (Fair Isle).

 Em nenhum lugar consta o ano de fabricação ou comercialização do brinquedo.

No manual, instruções para fazer aumentos e diminuições das malhas.

Seleção de pontos para a falsa sanfona 1x1. As agulhas em trabalho estarão na posição "B".

Disco de tensão do fio.

Esses botões controlam quando o carro deverá trabalhar, ou não, de um lado para o outro.

 Quando não se quer que o carro trabalhe para um determinado lado, puxa-se o botão correspondente para cima.

Sistema de tensão do fio.

São 49 agulhas neste modelo (K2). A Singer fabricava tambem o modelo K3 de 119 agulhas para os iniciantes no tricô. Ambos os modelos eram idênticos, variando apenas o numero de agulhas.

É uma pena que não se fabriquem mais estas fofuras. Isso sim é um brinquedo instrutivo.

3 comentários:

  1. Ai, que coisa mais LIIINDA! Como eu queria ter uma dessas, mesmo agora que já dobrei o Cabo das Tormentas... Máquinas de tecer sempre me lembram Paulo de Tarso, que - apesar de Doutor da Lei - depois de receber Cristo em seu coração passou o resto da vida sustentando-se como tecelão... Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Tenho uma maq. de tricô semi-nova (vendo) gfs2003@gmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. boa tarde,

      onde está essa maquina? qual o preço?
      qual a marca?
      quanto fica o frete via pac (correios)
      para o cep 05888-080.

      at; romildo da silva ( odlimorsilva@gmail.com )

      Excluir